Início Dr. Cláudio Contato Blog do Dr. Cláudio Links Facebook LinkedIn

Porque devo procurar um ortodontista?

O seu sorriso é o seu melhor cartão de visitas, quanto a isso não existem dúvidas.

Cuidar dos dentes é uma questão de saúde e bem estar, que precisa ser colocada em prática diariamente. Assim como cuidamos do nosso corpo precisamos cuidar da nossa boca!

Se você ainda não se convenceu disso vamos apresentar aqui alguns argumentos para que você entenda a necessidade de cuidar do seu sorriso, e a importância do ortodontista na sua vida. Continuar lendo Porque devo procurar um ortodontista?

Leia Mais

Um lindo sorriso desde sempre

Os cuidados com a saúde bucal devem ter início logo nos primeiros meses de vida da criança, quando ela ainda é alimentada pelo leite materno. Conforme o crescimento dos pequenos seus hábitos alimentares sofrem alterações, o que exige maior atenção com sua saúde bucal, visando a prevenção de problemas odontológicos. Existe uma fase na infância onde controlar os horários dos lanches e refeições se torna tão complexo quanto impedir que eles se deliciem com biscoitos, doces, balas e salgadinhos, criando assim um grave risco para a saúde oral dos pequeninos.

Antes do nascimento dos dentes, recomenda-se a higienização através de fralda ou gaze umedecida com água fervida ou filtrada, limpando cuidadosamente bochechas, língua e gengivas dos pequenos. Após o nascimentos dos primeiros dentes de leite, período em que o comportamento dos bebês é marcado por irritabilidade, alterações no ciclo de sono, aumento de salivação e coceira nas gengivas, a higienização deve ser realizada ainda da mesma forma.

Por volta dos seis meses os dentes começam a nascer, e a partir de então a fralda ou gaze é substituída pela escova de dentes pequena, macia, e sem creme dental. A escova deve ser apenas molhada em água limpa, e a higienização deve ser feita da mesma forma: língua, bochechas, gengiva e dentes.

A arcada dentária da criança estará completa quando atingir um total de 20 dentes, o que ocorre antes dos três anos de idade. A pasta de dente com flúor deve ser dosada em quantidades pequenas – do tamanho da unha do dedo mínimo da criança – e a escovação deverá ser acompanhada, ou até mesmo realizada, por um adulto até que a criança tenha domínio do processo de higienização e não engula o creme dental.

O acompanhamento odontológico deve começar cedo. Seu filho deverá consultar um odontologista em uma época próxima ao seu primeiro aniversário. A idéia de visitas precoces a um profissional ainda surpreende alguns pais, entretanto é necessário nos atentarmos para o que a saúde bucal representa na vida de uma criança.

Para que a introdução de alimentos na dieta das crianças seja feita de forma natural e produtiva, é necessário que elas tenham prazer na mastigação e que seus dentes estejam saudáveis.  A saúde bucal pode interferir até mesmo no processo de aprendizado da fala de uma criança, pois a perda precoce dos dentes de leite pode se tornar prejudicial à pronúncia de algumas palavras. Além disso, a diferença estética causada pela falta de cuidado com os dentes pode causar problemas emocionais e sociais no convívio dos pequenos.

Por volta dos cinco ou seis anos de idade, os dentes de leite começarão a amolecer. Os dentes permanentes que os substituirão também necessitam de limpeza e de uso do fio dental regularmente, e é nessa fase que muitas crianças darão inicio ao tratamento ortodôntico, pois muitos problemas se tornam visíveis durante a troca de dentição.

Além da necessidade de acompanhamento periódico, cuidados domésticos também são necessários, pois a alimentação, bem como a freqüência da ingestão de alimentos, pode impactar diretamente na saúde bucal das crianças.

Aqui vão algumas dicas:

  • Opte sempre por oferecer aos seus filhos lanches mais saudáveis contendo frutas frescas, iogurtes e queijos;
  • Dê preferência a sucos de frutas naturais, evitando refrigerante e sucos industrializados;
  • Não ofereça chicletes e balas as crianças, mas caso não possa evitar, opte por goma de mascar sem açúcar.
  • Alimentos com muito açúcar, chocolates e biscoitos recheados não devem ser oferecidos as crianças como lanche;
  • Estimule as crianças a beberem bastante água durante o dia.
  • Sempre incentive a escovação dos dentes após as refeições, a fim de se criar bons hábitos.

Agora que você já aprendeu sobre os cuidados básicos para a manutenção da saúde bucal das crianças, e a importância das consultas periódicas ao dentista, marque uma avaliação com um profissional. Agende uma consulta comigo!

Continue seguindo os artigos desse blog para conhecer mais sobre saúde bucal. 🙂

Leia Mais